quinta-feira, 10 de janeiro de 2019 27 comentários

Calendário de Correntes Espirituais do ano de 2019



Terreiro de Umbanda Pai Ogum Megê (TUPOM)


Mentor: Vovô Rei Congo das Almas.



Médium Responsável pelos trabalhos de desobsessão, descarrego e
encaminhamento:
Mãe Priscila de Omulú.

Médium responsável pelos trabalhos de Encaminhamentos e desobsessão:
Fillyp de Oxóssi.

Médium responsável pelos trabalhos de descarrego e encaminhamentos:
Aninha de Iemanjá.

Responsável Geral:
Pai Carlos de Ogum.


    Abaixo informamos, a quem possa interessar, o calendário das Giras
com Correntes Espirituais do Terreiro de Umbanda Pai Ogum Megê
(TUPOM), referente ao ano de 2019.


Mês: Janeiro.
Dia 05: Senhor do Bonfim e Baianos.
Dia 12: Senhor do Bonfim e Baianos.
Dia 19: Pai Oxóssi.
Dia 26: Pai Oxóssi e desenvolvimento dos Médiuns do TUPOM.

Mês: Fevereiro.
Dia 02: Mãe Iemanjá.
Dia 09: Mãe Iemanjá.
Dia 16: Pombo Giras.
Dia 23: Pombo Giras, Senhor Zé Pilintra e os Malandros.

Mês: Março.
Dia 02: Não haverá Gira pelo recesso de carnaval.
Dia 09: Não haverá Gira pelo recesso de carnaval.
Dia 16: Senhor Zé Pilintra e os Malandros.
Dia 23: Boiadeiros.
Dia 30: Boiadeiros e Desenvolvimento de médiuns do TUPOM.

Mês: Abril.
Dia 06: Caboclos.
Dia 13: Caboclos.
Dia 20: Pai Ogum.
Dia 27: Pai Ogum e desenvolvimento dos médiuns do TUPOM.

Mês: Maio.
Dia 04: Pretos Velhos.
Dia 11: Pretos Velhos.
Dia 18: Povo Cigano.
Dia 25: Povo Cigano e Desenvolvimento de médiuns do TUPOM.

Mês: Junho.
Dia 01: Exús.
Dia 08: Exús.
Dia 15: Pai Xangô.
Dia 22: Pai Xangô.
Dia 29: Desenvolvimento de médiuns do TUPOM.  Não haverá Correntes.

Mês: Julho.
Dia 06: Corrente exclusiva de Vovô Rei Congo, Vovô Benedito e
Pai Antero.
Dia 13: Corrente exclusiva de Vovô Rei Congo, Vovô Benedito e
Pai Antero.
Dia 20: Mãe Nanã Buruquê.
Dia 27: Mãe Nanã Buruquê e Desenvolvimento de médiuns do TUPOM.

Mês: Agosto.
Dia 03: Exús do TUPOM, com chefia de Senhor Tranca Ruas.
Dia 10: Exús do TUPOM, com chefia de Senhor Tranca Ruas.
Dia 17: Pai Obaluaiê/Omulú.
Dia 24: Pai Obaluaiê/Omulú.
Dia 31: Desenvolvimento de médiuns do TUPOM. Não haverá Correntes.

Mês: Setembro.
Dia 07: Ibeiji.
Dia 14: Ibeiji.
Dia 21: Ibeijada.
Dia 28: Ibeijada, e desenvolvimento de Médiuns do TUPOM.

Mês: Outubro.
Dia 05: Anjos de Guarda.
Dia 12: Anjos de Guarda.
Dia 19: Santas Almas Benditas.
Dia 26: Santas Almas Benditas e desenvolvimento dos médiuns do TUPOM.

Mês: Novembro.
Dia 02: Pai Omulú/Obaluaiê.
Dia 09: Pai Omulú]/Obaluaiê.
Dia 16: Mãe Iansã.
Dia 23: Mãe Iansã
Dia 30: Desenvolvimento dos Médiuns do TUPOM. Não haverá Correntes.

Mês: Dezembro.
Dia 07: Mãe Oxum e Pai Oxalá.
Dia 14: Mãe Oxum e Pai Oxalá.
Dia 21: Última Gira do ano de 2018. Limpeza e fechamento do Terreiro.
Não haverá correntes.
Dia 28: Recesso fim de ano.

A quem desejar mandar nomes as nossas Correntes Espirituais,
recebemos nos seguintes endereços de e-mail's:
umbanda.yorima.rj@gmail.com
umbanda.yorima.rj2@gmail.com
umbanda.yorima.rj@hotmail.com

Atenção: Só recebemos nomes até as 13 horas do dia anterior ao dia da
Gira, pois esses nomes e pedidos entram em processo de imantação a
partir desse horário.


Grande axé e paz a todos.

Carlos de Ogum



domingo, 30 de dezembro de 2018 37 comentários

Despedida do ano de Pai Xangô e Mãe Iansã


        



    Mais um ano se finda e dessa forma se finda também mais uma regência de dois poderosos Orixás da Umbanda.

    Chegou a hora de dizer adeus a esses Orixás, que já deixarão saudade e dizer que já estamos torcendo para que novamente essa junção se concretize para uma próxima regência.

    É tempo dos filhos de Pai Xangô, o Senhor da Justiça e da bela Iansã, a Rainha dos Ventos, dizerem adeus ao ano de 2018 e refletirem sobre tudo que aconteceu nesse ano de força espiritual tão intensa.

    Nós, seres humanos, que tanto rogamos a cada inicio de ano, que tantas esperanças temos que tantos receios deixamos nascer em nossas mentes, cá estamos para nos despedir desses acontecimentos únicos e desses Orixás sem igual na colocação da justiça.

    Como dito quase no findar do ano de 2017, o ano de 2018 iria começar mais lento, o tempo iria parecer que entraria em seu rumo certo, porém pelo seu meado essa sensação de tempo mais lento iria se modificar e assim sentiríamos uma maior velocidade no próprio tempo; assim aconteceu, pois com o adentrar de Mãe Iansã na junção da regência com Pai Xangô, a velocidade dos ventos fariam essa sensação transparecer muito mais.

    E assim nós corremos junto com esse tempo, para que não ficássemos para trás.

    E perguntamos: será que conseguimos alcançar esse tempo tão veloz?

    Será que com essa velocidade a partir do meado do ano, conseguimos por em prática nossos planos, nossas vontades, nossas lições, nossa espiritualidade?

    Será que toda essa correria, com essa perda de tempo em coisas supérfluas, não deixamos nossos objetivos principais de lado?

    E os obstáculos que tentamos remover de nossos caminhos, através dos ensinamentos das Entidades de Luz, será que conseguimos ultrapassá-los?

    O ano de 2018, conforme explicado foi o ano que deveria ter uma união maior entre os povos, para que assim ditadores não pudessem expressar seu ódio; porém, muitos desses povos se apegaram a muitas coisas desnecessárias, diversões sem sentido para elevar o próprio ego e assim deixaram esses ditadores com o caminho livre para fazerem o que bem desejaram, levando assim a guerras, a fome, a miséria a esses povos que se apegaram demais aos supérfluos.

    Foi dito sobre a temperatura dos ânimos em certas regiões, fazendo com que esses ânimos elevados trouxessem dissabores e batalhas e assim foi observado na Síria com a guerra civil, na Venezuela com o destaque de suas tropas militares sobre a Colômbia, o ressurgimento do Estado Islâmico, as novas armas de guerra do Irã contra o Iraque e Estados Unidos, enfim, tantos dissabores e batalhas desnecessárias no ano de 2018 e por muitas vezes pela falta da união dos povos, assim como foi dito na postagem em 2017.

    Também nessa postagem foi dito que a Mãe Terra iria estar em plena erupção e a Natureza iria buscar se defender; assim sendo teríamos grandes tempestades, ativação de vulcões e furacões.

    E assim foi confirmado, com o grande tornado e tempestade no Rio Grande do Sul em junho, a tempestade apocalíptica em Nova Iorque em maio e ainda tivemos as tempestades na Flórida, no Alabama, no Mississipi, também grandes tempestades fizeram muitos estragos em Portugal, na França, no Reino Unido, na Índia, além de outros vários países. E o mais improvável aconteceu, grandes tempestades em todo o Nordeste Brasileiro, com o ápice no Rio Grande do Norte.

    Sobre os furacões, podemos destacar os que ocorreram em Porto Rico, no Caribe, no Golfo do México e na Costa dos Estados Unidos.

    Vamos frisar também sobre as ativações de vulcões, que foi uma grande preocupação de nossas Entidades de Luz, ao falar do nascer do ano de 2018.

    Entre várias erupções de diversos vulcões, gostaríamos de destacar esses:

Vulcão Fuego (Guatemala).
Vulcão Kilauea (Havaí).
Vulcão do Monte Mayón (Filipinas).
Vulcão Etna (Itália).
Vulcão Agung (Indonésia).
Vulcão Anak Krakatau (Indonésia).
Vulcão White Island (Nova Zelândia).

    E assim se concretizou o que foi dito sobre a defesa da Natureza e sobre os vulcões, furacões e tempestades grandiosas.

    Foi recomendado através de nossas Entidades de Luz, uma maior preocupação com o aumento da depressão entre jovens e adultos, pois isso poderia no ano de 2018 levar um aumento de suicidas e hoje no findar desse ano de 2018, podemos notar que esse mal foi realmente uma grande perda para jovens e adultos, conforme várias notícias através das mídias informativas.

"Ministério da Saúde diz que no Brasil teve um aumento de 12% de casos de suicídios no ano de 2018 (G1)."

"Cresce o número de suicídios por todas as regiões dos os Estados Unidos (BBC)."

"Em Belarus, na antiga União Soviética, o suicídio é a segunda causa principal de mortes por adolescentes e idosos (OMS)."

"Na Letônia cresce o número de suicídios de uma forma desnorteada (OMS)."

"O Japão sofre com uma taxa epidêmica de suicídio em 2018, os maiores suicidas são homens, que são 70% dos que se utilizam desse ato (OMS)."

"Na Coréia do Sul o suicídio cresce em 2018, e esse ato é feito através de enforcamento ou envenenamento (OMS)."

"A Lituânia teve em 2018 um crescimento absurdo nas taxas de suicídios, e a causa mais provável é a crise econômica, que levaram os lituanos a pobreza extrema (OMS)."

    E assim comprovamos as previsões sobre o aumento de suicídios por todo o planeta.

    Iansã chegou no segundo semestre, com ela veio à vontade de vencer, a rapidez do tempo e para aqueles que deixaram de fazer algo, de buscar um objetivo, de se firmar entre a sociedade, perdeu tempo, pois foi assim o ano de 2018, no segundo semestre, tudo se demonstrou muito mais rápido e quem não entendeu essa passagem, deixou de fazer muitas coisas importantes nesse ano.

    Iansã distribuiu sabedoria e atitude, mas somente para aqueles de bom caráter, com vontade de vencer e que realmente correu atrás de seus objetivos, pois nada veio de graça nesse ano de justiça e força.

    E assim todas as respostas vieram, conforme os Búzios de nossos Pretos Velhos amados.

    Vamos levar esse ano de Pai Xangô e de Mãe Iansã como lição para o próximo ano, refletindo mais nas previsões dadas, compreendendo mais as palavras ditas.

    E buscaremos não errar tanto no ano de 2019, ano esse que será regido por Pai Ogum tendo a companhia de Mãe Nanã Buruquê, a partir do segundo semestre, para que assim o sofrimento seja diminuído e possamos só sorrir ao findar do ano.

    Feliz ano novo a todos os amigos e irmãos de fé!

    Obrigado Pai Xangô e Mãe Iansã por terem nos acompanhado por todo ano de 2018.

    Sejam bem vindos Pai Ogum e Mãe Nanã Buruquê!


Carlos de Ogum

quinta-feira, 20 de dezembro de 2018 59 comentários

Mensagem de Carlos de Ogum para o fim do ano de 2018


      
Imagem relacionada

    Grandioso Mestre de todos os Mestres, meu amado Pai Oxalá, poderosa força e luz, Pai de todos os Orixás.

    Senhor do tempo e de todo Universo; força suprema que vem em nome de Deus.

    Chego humildemente a teus pés, nesse findar de mais um ciclo, para lhe agradecer pelos seus presentes em formas de bençãos.

Bençãos lindas e maravilhosas; bençãos como a minha vida terrena; bençãos como o nascer do Sol em dias maravilhosos; bençãos pelo perfume das lindas flores que encantam com sua beleza; bençãos pelo aquecer de nossas almas em dias brilhantes; bençãos pelas brisas que nos refrescaram; bençãos pelas águas das chuvas que lavaram nossos medos; bençãos pelas mesmas águas que saciaram nossa sede; bençãos pelo alimento que nos fez ter energias para seguir.

Agradeço muito também, meu Pai Divino, pelos obstáculos que ultrapassei e que me ensinaram a serenidade; pelas dores que passei que me mostraram o quanto frágeis somos; pelas perdas que tive e que nos ensinam a sermos fortes o bastante para continuarmos a caminhada; por tudo que não recebi quando implorava, pois assim sendo aprendi o verdadeiro merecimento.

    Agradeço pelos amigos antigos e mais ainda pelos novos que chegaram; agradeço pelos possíveis inimigos, que tu, Deus, retirou de meus caminhos; agradeço a paciência de buscar um caminho a um irmão necessitado de auxílio e agradeço todas as palavras enviadas por ti, que surgiram de minha boca para mostrar a verdade a aqueles que não deram valor as bênçãos que o Senhor os concedeu.

    A ti, Pai Oxalá, a todos os Orixás e a todas as Entidades de Luz, com carinho ofereço-lhes as minhas vitórias conquistadas; todas as bençãos recebidas e divididas com meus semelhantes; a luz da espiritualidade concedida; o trabalho realizado com amor; a caridade que veio do coração e da Alma; as palavras doadas a nossos irmãos.

    Amado Pai Oxalá, peço-te sua benção a todos os amigos que entrego em suas mãos; amigos esses que junto a mim buscaram fazer a caridade a quem necessitava.

    Entrego-lhe também meus fiéis escudeiros que lutam comigo dia a dia pela a espiritualidade, que auxiliaram a tantos irmãos que buscavam a luz de Deus e me auxiliaram também com tantas palavras e gestos, para minha reflexão.

    Entrego em suas mãos também, meu Pai, todos os amigos que estão tão perto de mim, e todos que mesmo distante se encontram em oração conjunta para fazer crescer a amizade e a fé.

    Também peço muita proteção Senhor, para aqueles que me estenderam as mãos e me deram a palavra correta quando estive perdido em meu próprio desespero. E também para aqueles que estiveram em dúvidas e pediram minhas mãos para que os auxiliassem.

    Quero agradecer profundamente, pelos caminhos dados quando eu me estagnava em dúvidas alheias e fatos que não via uma solução, pelas palavras vindas do vazio quando eu me perdia nas tristezas ou desesperos de um semelhante, pela luz divina que tu, amado Pai, acendeu em minha jornada, cada vez que eu não acreditava em uma saída.

    E além de agradecer, meu Pai, gostaria de fazer um gesto de humildade, ajoelhar a seus pés, e convicto de meus erros, te pedir perdão.

    Perdão pelo tempo gasto com fatos sem importância; perdão pelas palavras mal-ditas em momentos que deveria me silenciar; perdão pela falta de compreensão quando deveria compreender; perdão pela falta de fé quando deveria orar fervorosamente; perdão por colocar meus problemas antes dos problemas dos meus semelhantes; perdão por eu pedir demais e agradecer de menos; perdão pela falta de paciência em fatos do cotidiano; perdão pelas reclamações desnecessárias; perdão por não ter rezado o suficiente por um irmão obsediado; perdão pela falta de lembrança aos famintos de todo o planeta, enquanto me fartava em minha mesa; perdão pelo sorriso aberto, enquanto um irmão perdia lágrimas por alguma perda.

    Amado Senhor Deus, pai de todos nós, a ti rogo proteção para esse ano que vai nascer ano que nem imaginamos como será o nosso destino; que desconhecemos se chegaremos a seu findar; que não sabemos o quanto sofreremos, quantas lágrimas perderemos e quantos sorrisos daremos; quantas vezes baixaremos a cabeça para lhe pedir proteção; quantas vezes ajoelharemos para fazermos uma oração; quantas pedras de nosso caminho vamos retirar; quantos pedidos faremos, e quantas vezes esqueceremos-nos de lhe agradecer.

    Então, amado Deus, antes de lhe rogar qualquer coisa, venho lhe agradecer e farei isso em meu nome, em nome de meus familiares, em nome de meus amigos e em nome de supostos inimigos, caso eu os tenha.

    Rogando também, Senhor, para todos nós, amor verdadeiro e paz celestial; alegrias sem tristezas; a lucidez e a serenidade; otimismo e caminhos abertos; a caridade e a espiritualidade.

    Humildemente peço querido Deus, onde houver falsidades em palavras, fechai meus ouvidos; onde eu possa falar palavras mentirosas e egoístas, fechai meus lábios.

    Peço seu auxílio, Pai Supremo, para que eu seja luz para o irmão que na escuridão se encontre; para que eu seja um destino para o irmão que se encontre perdido; para que eu seja paz para o irmão que em desespero esteja; que eu seja esperança para o irmão sem fé; que eu seja o portador de seu nome para o irmão que busca seu conforto em um abraço; que eu consiga levar uma corrente de luz, paz, caridade e fraternidade para os irmãos que buscam a tranquilidade espiritual e assim poderem espalhar o amor uns com os outros.

    Amado Jesus, a todos que irão ler essa humilde mensagem, que sejam tocados por tuas mãos e assim sejam tomados por fé, por amor, por caridade, por paz, por esperanças, por caminhos abertos e por espiritualidade suprema, para que assim nossa corrente cresça e se espalhe por todo ano, por toda a vida, por toda a eternidade.

    Com todo carinho que eu possa espalhar nessas palavras, desejo a todos nossos irmãos de fé, sejam umbandistas ou não, um belo ano novo, com felicidade extrema, caridade abundante, paz constante e fé, muita fé sempre.

Que Pai Oxalá, todos os Orixás e as belas Entidades de Luz nos abençoe, não só nesse ano que vai nascer, mas sim, por toda a nossa caminhada terrena e também após nosso desencarne, para que assim haja uma evolução satisfatória e possamos novamente reencarnar para uma nova caminhada.

Que assim seja!

E assim será.

**********************************************************************

Obs.: Nós do Terreiro de Umbanda Pai Ogum Megê, temos um agradecimento especial as Entidades de Luz de nossa casa pelas palavras corretas na hora correta, pelas lições nos momentos de não entendimento, pelo carinho nos momentos de desespero, pela resposta na hora da dúvida, pela paciência nos momentos da teimosia, pela luz na hora da escuridão.

    Gostaria de agradecer ao Mentor da casa, Vovô Rei Congo das Almas, que com carinho nos escuta, se alegra com nossas vitórias, chora com nossas tristezas e nossos erros. E com ele vem toda a maravilhosa legião de Pretos Velhos, que semana a semana nos deixam com sentimento de verdadeiros netos, pois a demonstração de amor, carinho, compaixão é de uma intensidade tão extrema que somente os vovôs e vovós poderiam nos proporcionar. Obrigado Pai Antero, Vovô Benedito, Vovó Joaquina, Vovó Anita, Pai José, Vovó Cambinda, Pai Cipriano, Vovô Chico, Vovô Joaquim, Pai Isidoro, Vovó Maria Conga, Vovó Benedita, Pai Antonio e Vovô Casemiro.

    Devemos agradecer o firmamento dos Exús em nossos trabalhos e em nossa tronqueira, a alegria e os descarregos das Pombo Giras, dos Malandros e Malandras, dos Boiadeiros, dos Ciganos e dos poderosos Caboclos e Caboclas.

    Agradecemos a ingenuidade das Ibeijadas, nossas amadas crianças. A cada sorriso dado, a cada lágrima perdida, a cada trabalhinho em prol da saúde, principalmente dos pequeninos.

    Obrigado a Cosmezinho de Oxum, a Joãozinho das Matas, a Pedrinho de Xangô, a Rosinha, a Aninha, a Joaninha, as Mariazinhas, aos Joãozinhos, ao Juquinha e ao lindo Zezinho.

    Muito obrigado por estarem conosco todo o ano.

    Em meu nome e em nome dos nossos Médiuns trabalhadores da casa, posso dizer que amamos todas as Entidades de Luz, que amamos a nossa divina religião de Umbanda.

Resultado de imagem para gratidão a deus por tudo

Carlos de Ogum

segunda-feira, 10 de dezembro de 2018 36 comentários

Banhos de Descarrego e Proteção para serem tomados na semana de: PAI OXALÁ


Resultado de imagem para pai oxalá na Umbanda


    Hoje falaremos dos banhos de descarrego e de proteção para serem tomados na semana de Pai Oxalá, que é homenageado no dia 25 de dezembro.

    Lembrando que assim como foi dito nos textos anteriores, os banhos de descarrego e de proteção podem ser tomados por qualquer pessoa, sendo essa pessoa filho ou não do Orixá em questão.


    Seguiremos agora para os banhos de Pai Oxalá.

BANHO DE DESCARREGO

    Em uma panela grande colocar três litros de água, e macerar as seguintes ervas:

Boldo;
Arruda;
Guiné;
Aroeira;
Alecrim.

    Deixar essas ervas em infusão por três horas, coar e jogar esse banho de seus ombros para baixo, logo após ter tomado seu banho normal. Rogue a Oxalá pela sua proteção e limpeza, fazendo uma oração e seus pedidos com coerência.

    As ervas que foram coadas do banho podem ser despachadas em um rio de água corrente, ou em um jardim.


BANHO DE PROTEÇÃO

Meio quilo de canjica branca;
7 litros de água.

    Coloque a canjica nem uma panela com a água, deixe ferver, quando abrir fervura apague o fogo, depois coloque a água dessa fervura em um balde para que ela esfrie. Deixe essa água separada.

    Pegue a canjica e acrescente mais água nela, levando ao fogo novamente, dessa vez deixando cozinhar por completo.

    A primeira água, já estando fria, será o banho de Oxalá, você vai jogar esse banho da cabeça aos pés, após tomar seu banho normal. Nesse banho normal se esfregue com sabão de coco, inclusive a cabeça.

    O banho de proteção deve ser jogado lentamente em sua cabeça e corpo e deverá ser feito os pedidos a Pai Oxalá, peça que retire de seu corpo todos os males carnais e espirituais e, que abra os seus caminhos de saúde e prosperidade.

    A canjica que sobrou você deverá pegá-la e jogá-la sobre sua residência, pedindo que seja retirado dali todos os males carnais e espirituais.


BANHO TANTO PARA PROTEÇÃO QUANTO PARA DESCARREGO

    Nesse banho você vai utilizar as seguintes ervas:

Alevante;
Boldo;
Manjericão;
Manjerona;
Pétalas de três rosas brancas;
Poejo;
Saião.

    Picar e macerar bem as ervas adicionar em uma panela grande e colocar 3 litros de água. Tampar com um pano branco essa panela, acender uma vela branca próximo ao banho, quando a vela se findar, levar o banho ao fogo para ferver. Após fervida apagar o fogo e deixar em infusão até a temperatura da água ficar agradável ao corpo. Tomar seu banho de higiene e após coar o banho de descarrego, jogá-lo da cabeça até os pés. Faça uma oração a Oxalá e faça seus pedidos, desde que sejam com coerência.

    As ervas coadas desse banho devem ser jogadas em um rio de água corrente.


BANHO PARA PROTEÇÃO E PROSPERIDADE

    Em uma panela grande colocar 7 litros de água para ferver, após fervida colocar os seguintes ingredientes, mexendo sempre em sentido horário com uma colher de pau:

Pétalas de 3 rosas brancas;
Pétalas de 3 cravos brancos;
Pétalas de 3 palmas brancas.

    Após 7 minutos mexendo, tapar a panela deixando em infusão por 7 horas. Coar, adicionar mais água e após seu banho normal jogar esse banho da cabeça aos pés. Fazer seus pedidos com coerência e fazer uma Oração a Pai Oxalá, acendendo uma vela branca. Despachar os ingredientes coados em um jardim, ou mesmo ainda em um rio de água corrente.

BANHO PARA ABERTURA DE CAMINHOS

    Em uma panela colocar 7 litros de água para ferver. Assim que entrar em ebulição adicionar as seguintes ervas:

Agapanto;
Alecrim de Tabuleiro;
Boldo;
Camomila;
Cinco folhas;
Colônia;
Erva de bicho.

    Mexa com uma colher de pau no sentido horário, tampar a panela e deixar cozinhar em fogo baixo por mais 7 minutos, desligando o fogo.

    Manter abafado por 5 horas e coar. Adicione mais água às ervas em um recipiente maior.

    O banho para abertura de caminhos deve ser tomado do pescoço aos pés despejando a água com o fluído das ervas, após o banho higiênico.

    Peça a Oxalá para afastar as impurezas e trazer abertura a seus caminhos faça uma oração a Pai Oxalá e acenda uma vela branca.

    As ervas coadas do banho podem ser despachadas em uma mata, em um jardim ou em um rio de água corrente.


BANHO PARA OS FILHOS DE OXALÁ QUE ESTÃO EM DESENVOLVIMENTO MEDIÚNICO
(PARA ATRAIR A ENERGIA E A VIBRAÇÃO DE PAI OXALÁ)

    Separe com antecedência as seguintes ervas e materiais:

Bacia de louça branca;
Água Mineral;
Araçá;
Barba de velho;
Baunilha verdadeira;
Calistemo Fênico;
Cinco folhas;
Colônia;
Cravo da Índia;
Espirradeira;
Eucalipto;
Saião;
Funcho;
Girassol;
Malva Cheirosa;
Rosa branca.


    Esse banho deverá ser feito um dia antes de ser utilizado. Pega-se a bacia branca, coloque as ervas na quantidade que desejar e achar necessário, junto a ervas coloque a água mineral bem devagar, comece a macerar com cuidado.

    Peça proteção a Pai Oxalá em forma de uma oração peça a ele que sempre restabeleça sua Coroa quando fraquejar.

    Deixe esse banho descansar, coberto com um pano branco e principalmente onde ninguém possa mexer nele, pois esse banho só pode ser manipulado pelo filho que vai utilizá-lo.

    Importante: Esse banho não pode ser fervido, para esquentá-lo, caso desejar que fique em uma temperatura mais agradável, esquente um pouco mais de água em um recipiente e jogue junto à água do banho e as ervas maceradas no momento que for tomar o banho. Esse banho deve ser jogado da cabeça aos pés, após seu banho normal. Acenda uma vela branca e faça uma oração a Oxalá.

Exê Uepe Babá Oxalá!


Resultado de imagem para jesus meditando
Carlos de Ogum

sexta-feira, 30 de novembro de 2018 35 comentários

Banhos de Descarrego e Proteção para serem tomados na semana de: PAI OMULÚ


Imagem relacionada

    Hoje falaremos dos banhos de descarrego e de proteção para serem tomados na semana de Pai Omulú, que é saudado no dia 17 de dezembro.
    Para nosso entendimento, voltamos a dizer que os banhos de descarrego e de proteção podem ser tomados por qualquer pessoa, sendo essa pessoa filho ou não do Orixá em questão.

    Então seguiremos com a descrição dos banhos de Pai Omulú

BANHO DE DESCARREGO

    Em uma panela grande colocar sete litros de água, ferver essa água e adicionar as seguintes ervas:

Alamanda;
Alfavaca Roxa;
Araticum de areia (Malolô);
Cordão de Frade;
Guararema;
Jenipapo;
Jurubeba (folhas).

    Deixar essas ervas em infusão até a temperatura ficar agradável ao corpo, coar e jogar esse banho de seus ombros para baixo, logo após ter tomado seu banho higiênico. Rogue a Pai Omulú pela limpeza, fazendo uma oração e seus pedidos com coerência.

    As ervas que foram coadas do banho podem ser despachadas em um rio de água corrente, ou em um jardim no pé de uma árvore sem espinhos.


BANHO DE PROTEÇÃO

    Esse banho deve ser preparado com antecedência, pois ele deve ficar em infusão por 7 horas e deve ser feito da seguinte maneira:

    Em uma panela colocar 7 litros de água, adicionar sete punhados de Canela de velho, deixar fervendo por 13 minutos e após apagar o fogo, adicione as ervas abaixo:

Alfavaca Roxa;
Assa Peixe;
Capixingui;
Cordão de Frade;
Erva Moura;
Jenipapo;
Panaceia.

    Deixar em infusão por 7 horas e após esse tempo, coar e tomar o banho de proteção jogando dos ombros para baixo, sempre após o seu banho higiênico. Pode adicionar água quente do chuveiro caso a temperatura esteja abaixo do que você deseja.

    Fazer uma oração a Omulú, pedindo forças para caminhar e pedindo que seja protegido contra tudo que possa atrapalhar essa caminhada, sendo do mundo de encarnados ou desencarnados.

    As ervas que forem coadas desse banho podem ser despachadas em um jardim, perto de alguma árvore sem espinhos, em uma mata ou em um rio de água corrente.

BANHO TANTO PARA PROTEÇÃO QUANTO PARA DESCARREGO

    Separe um punhado das seguintes ervas para esse banho:

Alamanda;
Alfavaca;
Erva de Passarinho;
Guararema;
Jurubeba;
Quitoco;
Sete sangrias.

    Picar e macerar bem as ervas, adicionar em uma panela grande e colocar 13 litros de água. Deixar essa panela tapada por 7 horas, e após esse tempo levá-la ao fogo para ferver. Após fervida apagar o fogo e deixar em infusão até a temperatura da água ficar agradável ao corpo. Tomar seu banho de higiene e após coar o banho de descarrego, jogá-lo dos ombros até os pés. Faça uma oração a Omul e faça seus pedidos, desde que sejam com coerência.

    As ervas coadas desse banho devem ser jogadas em um rio de água corrente.


BANHO PARA PROTEÇÃO E PROSPERIDADE

    Em uma panela grande colocar 13 litros de água para ferver, após fervida colocar os seguintes ingredientes, mexendo sempre em sentido horário com uma colher de pau:

Agapanto;
Agoniada;
Arrebenta Cavalo;
Assa Peixe;
Babosa (seca);
Barba de Milho;
Barba de Velho;
Canela de Velho;
Canena Coirana;
Cinco Chagas;
Erva de Passarinho;
Figo Benjamim;
Fortuna.

    Após fervida, apagar o fogo e tampar a panela deixando em infusão por 7 horas. Coar, adicionar mais água e após seu banho normal jogar esse banho da cabeça aos pés. Fazer seus pedidos com coerência e fazer uma Oração a Pai Omulú. Despachar os ingredientes coados em uma mata, ou mesmo ainda em um rio de água corrente.

BANHO PARA ABERTURA DE CAMINHOS

    Em uma panela colocar 13 litros de água para ferver. Assim que entrar em ebulição adicionar as seguintes ervas:

Fortuna;
Manjericão Roxo;
Panaceia;
Quitoco;
Trombeteira Branca;
Jamelão;
Mamona Branca.

    Mexa com uma colher de pau no sentido horário, tampar a panela e deixar cozinhar em fogo baixo por mais 7 minutos, desligando o fogo.

    Manter abafado por 7 horas e coar. Adicione mais água as ervas em um recipiente maior.

    O banho para abertura de caminhos deve ser tomado do pescoço aos pés, despejando a água com o fluído das ervas, após o seu banho higiênico.

    Peça a Omulú para afastar as impurezas e trazer abertura a seus caminhos, faça uma oração a Pai Omulú e acenda uma vela traçada nas cores amarelo e preto.

    As ervas coadas do banho podem ser despachadas em uma mata, em um jardim aos pés de uma árvore sem espinhos, ou em um rio de água corrente.


BANHO PARA OS FILHOS DE OMULÚ QUE ESTÃO EM DESENVOLVIMENTO MEDIÚNICO
(PARA ATRAIR A ENERGIA E A VIBRAÇÃO DE PAI OMULÚ)

    Separe com antecedência as seguintes ervas e materiais:

Bacia de louça na cor branca;
3 litros de Água Mineral;

Agapanto;
Agoniada;
Alfavaca Roxa;
Alfazema;
Capixingui;
Hortelã Brava;
Musgo;
Velame do Campo;
Velame Verdadeiro.

    Esse banho deverá ser feito um dia antes de ser utilizado. Pega-se a bacia branca, coloque as ervas na quantidade que desejar e achar necessário, junto as ervas coloque a água mineral bem devagar, comece a macerar com cuidado.

    Peça proteção a Pai Omulú em forma de uma oração, peça a ele que sempre restabeleça sua Coroa quando não estiver forte para os trabalhos espirituais.

    Deixe esse banho descansar, coberto com um pano branco, e principalmente onde ninguém possa mexer nele, pois esse banho só pode ser manipulado pelo filho que vai utilizá-lo.

    Importante: Esse banho não pode ser fervido, para esquentá-lo, caso desejar que fique em uma temperatura mais agradável, esquente um pouco mais de água em um recipiente e jogue junto a água do banho e as ervas maceradas no momento que for tomar o banho. Esse banho deve ser jogado da cabeça aos pés, após seu banho normal. Acenda uma vela traçada amarela e preta e faça uma oração a Omulú.

BANHO PARA RESTABELECIMENTO DA SAÚDE

    Sabemos que Pai Omulú tem o poder de curar as doenças, ele é o senhor da varíola, assim sendo vamos descrever um banho no qual é utilizado para o restabelecimento da saúde do corpo físico e para isso vamos seguir os passos abaixo.

Ingredientes:

Milho de pipoca (meio copo);
Azeite de oliva (3 colheres de sopa);
Água (3 litros).

    Vamos dar inicio a preparação de nosso banho de pipoca.

    Estoure a pipoca no azeite de oliva, reserve em uma vasilha e deixe-as esfriar. Após estarem frias, coloque essas pipocas em uma panela, coloque a água e deixe ferver. Após fervida apague o fogo, tampe a vasilha e deixe em infusão até a temperatura ficar agradável ao corpo. Coe e depois de tomar seu banho diário, jogue esse banho dos seus ombros para baixo, fazendo uma oração a Pai Omulú e acendendo uma vela traçada preta e amarela, pedindo proteção a seu corpo físico e espiritual, para que seja retirados todos os miasmas, larvas astrais, bactérias, doenças físicas, espirituais e emocionais.

    Frisando que após esse banho as roupas usadas devem ser limpas e na cor branca.

    Façam sempre esses banhos com boas intenções e com muita fé, assim certamente Pai Omulú estará sempre a seu lado.

Atotô Omulú!

Imagem relacionada

Carlos de Ogum

 
;