domingo, 10 de janeiro de 2016

Anjos de Guarda

                       


    Sempre recebemos orientações para deixarmos nossos Anjos de Guarda
iluminados, para fazermos orações em nome dessa divindade ou pedirmos
proteção a ele em diversos momentos de nossa caminhada.

    Normalmente quem é indicado a fazer isso, faz com toda fé de sua
alma, faz com muito carinho, de coração aberto. E sempre após esses
gestos com seu Anjo da Guarda, a pessoa se sente melhor, mais feliz,
aliviada, protegida.

    Mas quem é esse ser divino e mágico capaz de tomar para si os
problemas, dores, angústias, desesperos de seu protegido?

    É sobre essas luzes de Deus que vamos falar hoje.

    Muitas pessoas confundem os Anjos de Guarda com os Mentores de
Coroa. Mas na verdade temos uma diferença um tanto explicita nesse
caso. Vamos lá verificar essa diferença.

    A primeira colocação, e a mais básica de todas é que nossos Anjos
de Guarda nunca foram encarnados na terra, nunca foram da raça humana,
enquanto nossos Mentores, por normalidade, já viveram como seres
humanos. E o mais interessante de tudo isso, é que os nossos Mentores
já viveram com uma de nossas encarnações passadas, já foram alguém
muito próximo de nós em nossa caminhada rumo a evolução.

    Os Anjos de Guarda são divindades que nos ajudam de uma forma
extrema a fazer nossa ligação com os reinos divinos, com as forças
maiores, até chegando ao Pai Maior, podendo ser chamado de Deus,
Zambi, ou a nomenclatura que nossos dogmas estabelecerem, frisando
que independente do nome, o Pai Maior é único.

    É dito que existem várias categorias de Anjos, mas que os que se
encontra mais próximo de nós são os Anjos e Arcanjos, sendo os Anjos
vindo bem junto a nós e Arcanjos um tanto mais distante.

    Na categoria de Anjos se encontra o tão falado Anjo de Guarda, e
é esse que está designado a nos acompanhar desde o momento de nossa
concepção até nosso desencarne, nos ajudando em momentos difíceis, nos
mostrando caminhos, nos tirando do caminho do mal e tirando o mal de
nosso caminho.

    Nosso Anjo de Guarda por muitas vezes aparece materializado, nos
mostrando a sua forma, seu jeito, sua voz, e isso normalmente acontece
conosco em algumas etapas de nossa infância. Nós guardamos aquela
imagem, acreditamos que fosse um amigo de infância que passou em
nossas vidas, mas que na verdade era nosso Anjo de Guarda que estava
ali se apresentando. Por isso esse Anjo pode ser visto como do sexo
feminino ou masculino, mas na verdade essas divindades não tem sexo, e
só se apresentam assim para ressaltar a imagem que guardamos dele em
nossa infância. Talvez muitas pessoas nesse momento esteja pensando,
quem teria sido meu Anjo? Mas isso não importa hoje, o que importa é
sua fé incondicional nesse ser maravilhoso.

    A função de nosso Anjo de Guarda é sempre nos ajudar acima de
tudo, só fazem o bem sempre, buscam sempre abrir portas, facilitar
nossa caminhada em tudo. Frisando que eles respeitam acima de tudo
nosso livre arbítrio, portanto só nos ajudam caso sejam procurados e
quando pedimos. E se caso nós pedimos algo eles vão nos ajudar com
certeza, desde que o pedido feito não prejudique em algo a nós ou a
nossos semelhantes.

    A vela para nosso Anjo de Guarda pode ser na cor branca ou mesmo
azul claro, e quando se é falado por uma Entidade de Luz, ou um Pai ou
Mãe de Santo que devemos iluminar nosso Anjo, é apenas um modo de
falar, pois nossos Anjos são seres de Luz, já iluminados. Portanto o
que acontece ao acendermos uma vela a nosso protetor é que a luz
emitida pela chama da vela não serve para dar luz ao Anjo, e sim para
criar um campo de proteção em torno de nossa aura, de nosso corpo e de
nosso espírito, e isso acontece pois a partir da chama da vela nosso
Anjo de Guarda irradia uma energia fortíssima como uma rocha ou uma
camada de lava resfriada para captar vários campos de negatividade
afastar espíritos sem luz e iluminar nossa mente para recebermos as
orientações dadas pelos nossos Anjos através de intuições.

    Sobre o acendimento da vela em local acima de nossa cabeça, isso
não tem uma regra a ser seguida, pois após acesa e consagrada através
de nossa fé, o local a ser firmada, seja acima ou abaixo da altura de
nossa cabeça não tem a menor diferença. Da mesma forma quando se é
pedido para ser colocado um copo com água próximo a vela, não estamos
utilizando isso como um saciador da sede, e sim para utilizar um dos
elementos, no qual podemos fazer outros rituais, como beber, usar como
energizante complementar de um banho de descarrego ou limpeza de aura,
conforme indicado pelo mandante, seja ele uma Entidade de Luz ou um
Zelador de Santo.

    A missão de um Anjo da Guarda é sempre estar junto a seu
protegido, como um pai para seu filho, conduzindo em bons caminhos,
ajudando a tomar decisões, demonstrando seus conselhos através de
intuições, consolando em momentos de dificuldades, aflições e
angústias, devendo o Anjo sustentar sempre o filho em sua coragem
pelas provas da vida.

    O Anjo de Guarda sempre deve estar presente, mesmo no momento em
que podemos nos encontrar em revelia as suas colocações e
advertências. Ele pode ficar um pouco afastado (sem passar suas
mensagens para nossa intuição) quando percebe que seus aconselhamentos
está sendo inútil, e que a vontade de seu protegido está sendo maior e
mais forte em se submeter as indagações dos espíritos sem luz. Contudo
para entendimento, o Anjo aceita seu livre arbítrio, mas não o
abandona jamais, mesmo afastado ele estará ali, e no mínimo de razão
coerente que o filho tenha, e o chame ele em suas orações, ele retorna
na sua missão destinada. E esse retorno será como se nunca tivesse
se afastado do lado do filho, pois esses seres divinos estão ali por
ordem de Deus, nosso Pai Maior, que os colocaram em nosso lado para
que demonstre seu amor, e com esse amor eles vem para cumprir tão
bela, mas árdua, missão.

    Independente de sua raça, de sua posição, de suas opções de vida,
independente dos locais que se encontre, seja hospitais, cárceres
dentro de vícios prostíbulos, alegres ou tristes, acompanhados pelos
amigos ou perdido na solidão, independente de qualquer coisa vai estar
sempre sendo observado por seu Anjo da Guarda, nada nem ninguém pode
te separar desse ser de Deus. E mesmo que seus olhos não possam vê-lo,
sua alma continuará recebendo os mais maravilhosos e sábios conselhos.

    Busque sempre estar em contato com seu Anjo da Guarda, através de
orações, conversas, rezas, diálogos, sonhos, ou qualquer modo que
encontrar para ter esse contato maravilhoso, para estabelecer essa
intimidade eterna que acontece entre os amigos ou irmãos de alma.
Evite tentar ocultar algo de seu Anjo, pois eles são os olhos de Deus,
e nada pode ser escondido desses seres amados. Cada Anjo tem seu
protegido e zela extremamente por ele, como um pai a um filho. E sendo
assim ele se sente feliz ao perceber que esse protegido está em um bom
caminho, mas chora quando seus conselhos são desprezados e o filho cai
em desgraça.

    Para quem desejar entrar em ascensão e assim fazer suas orações
chegar a nosso intercessor alado, desejando uma limpeza de aura e
corpo, para que nosso Anjo saiba que o respeitamos e temos o carinho
em tê-lo a nosso lado e claro que cremos nos conselhos dados através
de nossa intuição, podemos tomar um banho energizante de uma dessas
ervas: Alecrim, Boldo, Guiné, Arruda, Manjericão, Anis ou Hortelã, ou
a forma que uma Entidade de Luz recomendar.

    Nossos Anjos de Guarda também tem uma missão extremamente
importante dentro de trabalhos em casas de Umbanda, todos os médiuns
trabalhadores, sejam na incorporação ou não devem ficar muito atentos
com o detalhar desse texto, pois os médiuns trabalhadores de uma casa
de Umbanda ou qualquer linha espiritual estão em uma corrente
destinada a trabalhos ocultos na linha espírita, e essas correntes
podem trazer para encaminhamento, descarregos e desobsessões de
consulente muitos espíritos sem luz, perturbados, zombeteiros e
confusos, vem contra nós. Nossos Guias, nossas Entidades de Luz,
nossos Orixás nos protegem sim, mas a presença de nosso Anjo da
Guarda, antes, durante e depois de nossas sessões e Giras é de extrema
importância.

    Vamos dar um exemplo de alguma magia de demanda contra um
consulente, essa magia é feita por espíritos sem luz, como Kiumbas e
Zombeteiros, e a primeira tarefa desses espíritos sem luz e tentar
prender e afastar o Anjo da pessoa (vítima) para que ela enfraqueça
perdendo energias e assim sendo receber todo mal sem proteção. Nesses
casos a Entidade de Luz responsável por quebrar essa magia tem como
regra pedir que ilumine e reforce seus laços com seu Anjo da Guarda
para que ele se aproxime novamente, e assim com muito mais força para
sua proteção contra demandas.

    Em relação aos médiuns, os Anjos são tão importantes como os
próprios Orixás e Entidades de Luz, pois quando uma Entidade de Luz
tem a autorização dos Orixás de coroa do médium para incorporação,
essas Entidades de Luz ainda devem esperar a permissão dos Anjos de
Guarda para ocorrer a incorporação. E após essa permissão e a
incorporação, o Anjo de Guarda ainda fica ao lado do Médium, mesmo no
trabalho da Entidade de Luz, e ficam apenas ao lado porque a Entidade
de Luz está ali, mas no primeiro instante de desincorporação o Anjo da
Guarda se aproxima completamente para que assim seja feito o
equilíbrio da saída da Entidade e a volta do espírito do médium.


    Para quem desejar fazer uma oração tradicional a seu Anjo da
Guarda pode ser feita essa abaixo, sempre demonstrando muita fé,
carinho e amor para com esse ser de Deus.



    Oração ao Anjo da Guarda. (tradicional)

Santo Anjo do Senhor. Meu zeloso guardador.
Se a ti me confiou a Piedade Divina.
Me governa, me rege, me guarda e me ilumina. Amém.

Anjo de Luz, Guardião da minha vida.

A Ti fui confiado pela Misericórdia de Deus.

Ilumina meu espírito, Guarda-me da maldade, Orienta a minha
inspiração, Fortalece a minha sintonia com a Espiritualidade Superior
e torna-me forte diante das tempestades que venham a afligir meu
intimo.

Lembre-me todos os dias de não julgar nem ferir. Banhe a minha mente
de Amor e Harmonia, para que eu possa tornar o mundo melhor para
aqueles que convivem comigo. Quero assim me tornar digno de sua
proteção e amor.

Assim seja!


    E assim estaremos em comunhão com nosso protetor angelical.

    Que Deus sempre nos abençoe com esses seres divinos para que
possamos caminhar de uma forma honesta, vencedora, fiel e com muito
amor no coração.

    Salve nossos Anjos de Guarda!

Carlos de Ogum

44 comentários:

Aninha de Iemanjá disse...

Texto maravilhoso, Padrinho!
Que possamos estar sempre na companhia desses seres de luz que são nossos Anjos de Guarda. Que possam sempre nos iluminar, e que nunca nos esqueçamos de agradecer pela proteção que nos dão.

Axé!

Gilberto disse...

Maravilhoso conhecimento! Muito obrigado.
Axé!

Fabianne Mourato disse...

Salve meu anjinho amado. Estou sempre ligada a ele.

Windy disse...

Sempre quiz saber mais sobre os anjos. Texto nota mil

Mara Saldanha disse...

Oba Pai Carlos, esse é um texto que sempre quis saber. Parabéns e me
ajudou montes.

Ana Paula Sardinha disse...

Amém aos nossos anjinhos. Salve salve

Larinha disse...

Texto belo. Anjos são nossos protetores eternos. Save meu Anjo.

Maria Clara Batista de Sá disse...

Salve meu Anjo de guarda. Que ele me de luz no caminho. Preciso muito.

Samantha Vieira disse...

Lindo texto falando desses maravilhosos seres que só nos fazem ajudar.
Salve todos os Anjos.

Patricinha disse...

Adorei. Parabéns.

Dália disse...

Anjos lindos e protetores. Salve salve

Waleska Padilha disse...

Sempre acendo velas a meu anjinho e ele sempre me atende. Beijos pai
Carlos.

Gerlanne Ramos. disse...

Salve nossos Anjos de guarda.

Cida de Oxum disse...

Adorei saber que nossos Anjos estão conosco no momento de
incorporação e desincorporação. Sempre tive medo de nao voltar certo.

Nataly Custódio disse...

Maravilha saber mais sobre meu anjinho. Eu tenho muita fé nele. Sarava

Fabiana Quartezane Freire disse...

Acendo uma vela a meu anjo de 7 em 7 dias, faço isso sempre com uma oraçao. E me sinto muito bem. Me ajuda como se eu fosse fazer uma viagem. Amo meu anjo. Lindo texto.

Anônimo disse...

Queria poder chamar meu anjo de um nome que eu escolhesse. Posso?

Patrícia Kurtz disse...

Salve todos os Anjos de Guarda. Que a luz brilhante de meu anjo possa me cuidar.

Ingrid Ramos disse...

Salve os Anjinhos de guarda. Salve Deus e os Orixás. Amo esses
textos.

Fabíola Ramires disse...

Saravá pai, salve seu anjo de guarda e o meu. Que eles estejam sempre
juntos. Axé.

Grazielle disse...

Que as asas de meu Anjo me cubra de bençaos e proteção. Que assim seja. Amém!

Estella Guedes Mansur disse...

Pai Carlos uma vez me falaram que para acender uma vela a meu anjo de guarda eu deveria ser batizada em um terreiro de Umbanda, se nao fosse assim nao poderia acender. Isso é verdade? Obrigada

Iara disse...

Salve os anjos. Salve meu anjo, abençoado seja meu anjo, peço sua proteçao.

Bianca Machado disse...

Pai Carlos, eu posso tomar a água depois que a vela se apagar? E
posso fazer um pedido? Beijos.

Graziella disse...

Texto muito muito muito legal. Ja amava meu anjo agora venero. Saravá

Carlos de Ogum disse...

Cara Bianca, você pode sim beber a água! E pode fazer seu pedido de acordo com as leis da Umbanda, ou seja, sem pedir algo que prejudique seu semelhante.

Axé!

Carlos de Ogum disse...

Cara Estella, quem lhe deu essa informação não tem a mínima noção do que está falando, pois independente de sua religião, de sua posição de ser batizada em qualquer dessas religiões, ou mesmo, sendo uma pessoa sem crença, o seu Anjo de Guarda estará ali e basta você desejar que poderá chamar, acender uma vela, rezar, orar ou o que seu coração desejar pedir. Não precisamos de dogmas para isso.

Axé!

Carlos de Ogum disse...

Caro(a) anônimo(a), sim! Você pode chamar seu Anjo da forma que desejar, com o nome que quiser.

Axé!

Maria da Glória disse...

Obrigado pelo texto que tanto nos ensina. Sarava.

Robson Resende disse...

Anjos de guarda estejam sempre conosco. Salve.

Cristiano Linhares disse...

Salve todos os Anjos e Arcanjos.

Novinha de 13 disse...

Pai Carlos seu texto ficou fofinho como os Anjos. Parabéns

Fofinha do RJ disse...

Anjo de minha guarda me ilumine e me guarde sempre. Amém

Maria Clara disse...

Salve nossos Anjinhos de Guarda. Saravá a essas divindades que só fazem ajudar.

Anônimo disse...

Nossos anjos sao nossos amigos. Confiem neles. Eu confio demais.

Karinna Dutra disse...

Salve meu anjo de guarda. Salve todos os anjinhos

Gabriella Conceição disse...

Que lindo! Como sempre acrescentando conhecimento! Gratidão!

Clarinha Bitencord disse...

salve meu anjinho amado salveeeeeee

Mary disse...

Sempre aprendendo, Pai Carlos de Ogum!
Texto esclarecedor. Tenho acendido velas para meu anjo de guarda e, eventualmente,
para meus filhos, quando percebo a necessidade deles. Posso continuar com essa atitude?
Obrigada e Axé

Carlos de Ogum disse...

Cara Mary, sim! sempre que desejar. Iluminar seu anjo de guarda é iluminar seu caminho rumo a Deus.

Axé!

Windy disse...

Lindo nossos Anjos de guarda. Amos meus aladinhos

Fabiana Baptista Monteiro disse...

Pai Carlos em relação a obrigação ao anjo de guarda em que vc poderia me esclarecer?

Carlos de Ogum disse...

Cara Fabiana, no caso de obrigação ao Anjo de Guarda foi respondido em seu e-mail.

Paz e grande axé!

Beatriz Amora disse...

Abençoado seja meu anjinho. Amo muiiito

Postar um comentário

 
;